Siga o Instituto Formar   

É fundamental na vida que vocês tenham boas referências, diz Vieira Junior

Palestra sobre “Protagonismo” foi promovida pela Oji Papéis Especiais
 
Ser o protagonista de sua própria história. Inspirar-se em pessoas que valem a pena e, se esforçar ao máximo para conquistar o seu lugar. Esses foram os assuntos debatidos com os aprendizes na Câmara dos Vereadores no dia 6 de junho. 
 
A palestra “Protagonismo” promovida pela Oji Papéis Especiais, dentro do Programa Voluntários do Saber, foi proferida pelo analista de sustentabilidade, Vieira Junior, que contou a sua história de vida e de carreira profissional.
 
De acordo com Vieira Junior, o objetivo dessa palestra foi inspirar os jovens para seguirem um caminho de sucesso e de vitórias. “A caneta da nossa história está em nossas mãos e cabe a nós escrevermos”, disse.
 
O analista contou que veio de uma família simples, morava em um bairro de periferia em Americana e, convivia com um pai violento, alcoólatra e viciado em drogas. “Cresci em um ambiente ruim e só conhecia três profissões: dono de bar, bandido e polícia. Mas quando ainda pequeno, com 6 anos, buscava aprender a plantar e cuidar das plantas, em uma horta em frente de casa. Isto foi fundamental para mim”.
 
Após a morte do pai, a doença da mãe e a gravidez precoce de sua irmã, Vieira Junior, aos 7 anos viu sua vida tomar um novo rumo a partir do momento em que entrou em uma igreja pela primeira vez. “A minha luz foi quando estive em uma igreja evangélica. Ali começou minha nova história. Na vida, é fundamental que vocês tenham boas e novas referências”, declarou.
 
Quando adolescente, o analista teve seu primeiro emprego em uma fábrica de tecidos em Americana onde, em três anos de contrato, foi promovido seis vezes. Mas seu sonho era ser jornalista, ingressou na faculdade e, ao final do curso, foi apontado como o melhor aluno da sala. 
 
Há três anos como colaborador da Oji Papéis Especiais, Vieira Junior orgulha-se em cuidar dos projetos sociais da multinacional. “Eu, aquele menino que estava à margem da sociedade, hoje cuido de gente que precisa de cuidados, ensino crianças a plantar, fazer hortas e me sinto muito feliz com isso”, afirma.
 
A lição de vida foi comentada pela aprendiz, Leilaine Dias, de 18 anos. “Ele nos disse para acreditarmos em nós mesmos e para nos espelharmos em pessoas que valem a pena, e isto eu levo como um aprendizado”.
 
 
Assessoria de Imprensa: Luciana Corrêa (MTB 31881) 
Telefone: (19) 2534-9503 / 99706-7630
 
Vieira Junior conversou com os aprendizes do Instituto Formar (Foto: Ozonio Imprensa)

NEWSLETTER

Assine e receba em seu e-mail informações sobre o Formar.

Seu nome
Seu e-mail

INTRANET

Copyright © 2012 | Formar - todos os direitos reservados
Desenvolvido por Ozonio Interativa