Siga o Instituto Formar   

Aprendizes visitam exposição Gênesis de Sebastião Salgado

Aprendizes do Instituto Formar tiveram esta semana a oportunidade de conhecer o trabalho do fotógrafo Sebastião Salgado.
 
A exposição Gênesis, com curadoria de Lélia Warnik Salgado que está aberta para visitação gratuita no Sesc Piracicaba, é um relato fotográfico de oito anos de imagens captadas por Sebastião Salgado em cenas de locais intocados ao redor do mundo.
 
Os alunos acompanharam a visita monitorada na exposição dividida em cinco seções geográficas: “Planeta Sul” com as paisagens congeladas e os animais da Antártica, do Sul da Geórgia, as Falklands/Malvinas, o arquipélago Diego Ramirez e as Ilhas Sandwich; “Santuários”, com as paisagens vulcânicas, a fauna, as populações, a vida selvagem e a vegetação dos diferentes ecossistemas das Ilhas Galápagos, Nova Guiné, Irian Jaya, os Mentawai da Ilha Siberut e Madagascar; “África” retrata a vida selvagem, os animais, a população tribal, os desertos e as antigas comunidades do Delta de Okavango, na Botswana, da Ruanda, do Congo e Uganda, da Namíbia, Sudão, Líbia, Argélia e Etiópia; “Terras do Norte” traz as paisagens naturais, a vida animal e indígena do Alasca e do Colorado, nos Estados Unidos, do Canadá, da Rússia e da Sibéria; “Amazônia e Pantanal” mostram um pouco da enorme floresta tropical, o Rio Amazonas e a vida de tribos indígenas brasileiras.
 
A aprendiz Victoria Caroline Santos, de 17 anos ressalta a diversidade cultural nas fotos de Salgado. “Achei muito bacana a exposição, além da cultura diferente dos povos, pudemos observar que nós podemos viver sem agredir a natureza!”, diz.
 
Na visão da aluna Thais de Souza Passos, de 16 anos,  as imagens da África foram as que mais chamaram atenção. “Muito interessante as fotos que retratam a África onde mostra que eles têm uma cultura muito diferente da nossa”.
 
O material fotográfico foi captado pelas lentes de Sebastião Salgado em 32 viagens por lugares que vão da Antártica ao Ártico, passando pela Oceania, África e também no Brasil, na Amazônia e Pantanal. Durante a empreitada, cruzou oceanos, desertos de gelo e areia, montanhas e selvas ao redor do globo e descobriu, com sua câmera,
espaços, animais e pessoas que vivem completamente isoladas das civilizações
modernas. 
 
A Exposição Gênesis de Sebastião Salgado pode ser visitada até 10 de janeiro no Sesc Piracicaba de terça a sexta das 13h às 21h30 e aos sábados, domingos e feriados das 9h15 às 18 horas.
 
*Com informações da Assessoria de Imprensa do Sesc Piracicaba.
Fotos: Ozonio Imprensa
 
Assessoria de Imprensa: Luciana Corrêa (MTB 31881) 
Telefone: (19) 3402-5573 
E-mail: assessoria@ozoniopropaganda.com.br
 
Imagem

NEWSLETTER

Assine e receba em seu e-mail informações sobre o Formar.

Seu nome
Seu e-mail

INTRANET

Copyright © 2012 | Formar - todos os direitos reservados
Desenvolvido por Ozonio Interativa